5 de jun de 2013

ARTESÃ OU VENDEDORA?

Nos tempos do orkut,abri um tópico sobre vendas pela internet,com o objetivo de compartilhar experiências.
Foi interessante ver que cada pessoa tinha algo diferente para contar. Algumas amigas estavam satisfeitas e até deram dicas, enquanto  que outras, lamentavam não terem tido um resultado positivo.
Porém,havia algo em comum, em todos os comentários.


Não há uma fórmula mágica!
Resultados positivos dependem de vários fatores como: Compromisso,bom atendimento,divulgação e claro um boa dose de paciência.
 Mas não para por aí,levar um cliente até nossa loja e convencê-lo a comprar, algo que não está vendo pessoalmente...É um desafio.

Vencida essa primeira etapa,  vem outra parte igualmente difícil.
Cumprir prazos e agradar o cliente não deve ser esquecido,pois é nessa fase da venda, que definiremos se teremos um cliente fiel ou alguém que não voltará a comprar conosco.

Acho que ser artesão é relativamente mais fácil que ser vendedor.
 E ter uma loja virtual, exige que tenhamos não só o talento para o artesanato como também para vender e administrar nosso negócio.
Parto do princípio, que lidar com o público, não é uma tarefa simples.

Quem nunca ficou ficou frustrado com desistências de pedidos,encomendas entregues com atraso, devido a endereços incompletos ou problemas com os correios?
Tem aquela pessoa que faz o orçamento e some, meses depois volta e quer pelo mesmo preço e para ontem.
Mas para mim o pior, são os que desvalorizam nosso trabalho.
Acham fácil e querem descontos em cima de descontos.Já vi artesãs iniciantes que cedem a esse tipo de pressão, achando que assim conseguirão agradar.Minha experiência diz que isso não funciona.

Quem quer um produto artesanal quer algo personalizado,único.
Baixar demais o valor de uma peça , não é a melhor maneira de começar  um negócio,  muito menos de agradar alguém.
Quem vende muito barato não ganha nada, trabalha de graça,se desvaloriza e ao seu trabalho também.
O preço justo é o melhor caminho.
Você pode dar descontos em quantidades,em formas de pagamento mas não desvalorize seu trabalho.

Para vender um produto ,precisamos de uma apresentação.
Crie um nome para seus produtos,para sua loja.
Tenha um e mail que lembre tudo isso.
Tipo: Se sua loja se chama MINHA LOJA, faça um e mail assim minhaloja@...Isso faz com que as pessoas memorizem o nome que você escolheu.
Crie um blog,Fanpage...com esse nome.

A escolha do nome,claro é gosto de cada um.
Minha sugestão é que seja um nome que tenha relação com o que você produz .
Assim  será mais fácil ser encontrado pelos seus clientes.
Lembre-se, a propaganda do seu produto é tão importante quanto a qualidade dele.

Outra sugestão, é a criação de logomarcas,banners que também serão usados para que seu produto seja identificado.
E não esqueçam das fotos,caprichem,usem fundos brancos de preferência e não deixem de por a marca d'agua nelas, com o endereço de contato (e mail) ou o link de sua loja,site ou blog assim elas serão mais  uma forma de divulgação.

Agora vamos falar do lugar onde podemos vender nossas peças.
A net está repleta de lojas virtuais, blogs,sites,onde todos podemos mostrar nossa arte.
Para quem está começando e não quer investir muito ou quer primeiro aprender  a lidar com esse tipo de venda.Eu sugiro que comece por sites gratuitos.

Para quem prefere lojas virtuais recomendo que também usem os modelos gratuitos e só passem para os pagos, quando estiverem familiarizados com os sistemas de vendas da loja e todos os recursos que ela oferece.
Examine as formas de pagamento, as regras de recebimento,as formas de contato que estarão disponíveis para seus clientes enfim, analise os prós e contras, antes de optar por um espaço pago.

Os preços também devem ser revistos, levando-se em conta seus concorrentes,as porcentagens sobre as vendas, as promoções e descontos que você pode disponibilizar em sua loja,o tempo de confecção, já que você pode ter um aumento considerável de pedidos,tudo deve ser pesquisado e analisado antes de começar essa nova fase em suas vendas.

Enfim,tudo que escrevi são ideias baseadas na experiencia que tenho e que aprendi com muitas amigas.
Deixo para vocês mais uma sugestão.Ler muito sobre o assunto,fazer cursos online (grátis) no Sebrae,visitar outras lojas e conversar com outras vendedoras,trocar informações, enfim ficar por dentro do que as pessoas estão procurando, dentro de sua especialidade claro.

Abaixo deixo links interessantes para vocês,espero que gostem.
Quem quiser contribuir com mais nomes de sites e lugares para pesquisa ou contar sua experiencia em vendas pela web,será muito bem vinda,pois esse assunto é muito amplo e ainda tenho muito que aprender com vocês.

ONDE VENDER:

ELO7
TANLUP
MEU BAZAR
LOJA 2
AIRU
SOLIDARIUM
BOM NEGÓCIO
VILA DO ARTESÃO

ONDE APRENDER :

SEBRAE
BLOG GANHE MAIS








11 comentários:

  1. Achei muito bom o post , ele explica tudo muito bem direcionado ao artesão que quer vender e não sabe por onde começar, realmente espetacular, bjs amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi essa minha intenção,dar uma forcinha para quem está começando.Bjs

      Excluir
  2. Suas colocações tem tudo a ver. E concordo que é mais fácil ser artesã que vendedora. Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por sua visita amiga,volte sempre,bjs

      Excluir
  3. Muito boa essa postagem.
    Um bom dia pra você,bjim...
    http://daisedantas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Tania,
    Muita dica legal.
    Tem gente que esquece dos pequenos detalhes.
    Acho o 'pós venda' tão importante quanto a venda em si.
    É com ele que melhoramos o nosso trabalho, seja ele qual for.
    Nada como pesquisar muito, a net está cheia de informações, assim como as amigas blogueiras que dividem as experiências.
    bjs,ótima quinta!
    Tem sorteio no blog até 14/06!

    ResponderExcluir
  5. OI Tania!
    Minha flor de formosura!

    Amiga, obrigada pela visita ao blog e pelos elogios amada.
    Tania adorei a sua postagem, ainda nao tenho loja virtual e nem sei se terei, mas acho que as dicas que vc deixou aqui sao de uma importancia incricvel.
    Muitas meninas abrem lojas virtuais e estao completamente despreparadas para conseguir levar adiante o seu negocio.

    Eu sou uma kkkkkkkkk.

    Obrigada flor, vc e demais mesmo.
    Nao repare as palavras sem acentos, meu teclado esta desconfigurado e irei arrumar hoje.

    Mil beijos no core!

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde Tania!
    Achei muito interessante seu post, não temos ainda uma loja virtual e a dica é muito boa, obrigada.
    Bjs.
    Sheila
    http://albinoclaudia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi , vi seu blog na lista do blog "Siga-me" vim conhecer e já estou te seguindo , vem seguir o meu também

    http://www.miinteressa.com/.

    bjos

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário.
Venha curti minha página no facebook
https://www.facebook.com/AtelieFuxikitoseCia/